Assassinatos? Violações? Tudo é possível neste ‘reality show’ poucos arriscariam inscrever-se! [vídeo]

Vem aí o reality show mais perigoso de sempre. “Game 2: Winter” ainda não estreou, mas a polémica já está instalada.

Da ficção de “The Hunger Games – Jogos de Fome” para a realidade de um programa de televisão, a distância foi encurtada vertiginosamente.

“Game 2: Winter” é um reality show russo que está a chocar o mundo. Em causa está a única certeza que os concorrentes têm para entrar no desafio. Só há uma única regra: «Não há regras!».

Tudo é permitido e a organização do programa não assume quaisquer responsabilidades pelo que acontecer possa acontecer aos 30 participantes. Eles serão colocados, durante nove meses, na Sibéria.

Dos números da operação, há um que salta à vista. Todos os concorrentes vão ser seguidos por nada mais, nada menos que duas mil câmaras. As objetivas vão cobrir numa área selvagem de 900 hectares, onde as temperaturas podem atingir os 40 graus negativos.

“Game 2: Winter” vai ser transmitido 24 horas por dia na internet. Nenhuma estação de televisão russa ou internacional aceitou ainda emitir o reality show.

Os corajosos que já deram o sim são avisados, em contrato, que poderá ser mutilado ou até morto durante a experiência. Tudo o que habitualmente está vedado nos reality shows, aqui é permitido sem limite.

Lutas, álcool, homicídios e violações estão autorizados. A organização lembra, no entanto, que todos estarão em território russo e a Lei do país irá atuar caso seja cometido algum crime. A polícia está já de sobreaviso em relação a possíveis violações… da lei.

Yevgeny Pyatkovsky, um milionário russo, é o criador do conceito e diz que irá recusar qualquer reclamação caso alguém morra, seja violado ou sofra qualquer incapacitação.

De acordo com o jornal Siberian Times, já há 60 candidatos. Por enquanto – informa ainda o jornal – não há direitos comprados para nenhuma estação de TV a nível mundial.

Apesar do caráter potencialmente violento de “Game 2: Winter”, há já cinco países interessados em comprar os direitos de transmissão do programa, anuncia ainda o Siberian Times.

O reality show deverá começar, se nada acontecer que o impeça, a 1 de Julho de 2017.


Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close