Zapping Entrevista: Carina Caldeira


Carina Caldeira

A apresentadora Carina Caldeira é uma das revelações na área da apresentação. O programa que apresenta está em mais de 45 países. Ela está hoje em entrevista ao Zapping.

 

1. Quem é a Carina Caldeira?
(risos) Isso é uma pergunta difícil, quase de auto-análise. Bem, posso dizer que sou uma pessoa apaixonada pela vida e pelos animais, sonhadora, extrovertida e animada. Acredito em valores fundamentais pelos os quais me guio e tento sempre não falhar. Tenho imensa energia e nunca estou parada.

2. Conduz atualmente os programas “Azul ou Branco” e “Soccer Cities”. Que balanço faz destes projetos?
São dois programas muito diferentes, um é pelo mundo fora, outro em estúdio. O “Soccer Cities” não podia ter uma balanço mais positivo, aliás, superou completamente as minhas expectativas. O programa está em 45 países do mundo em canais de renome mundial como a Aljazeera, a Eurosport, a Bein Sports, está também nos Estados Unidos, Ásia, América do Sul etc., e continua a ser comprado. Nunca esperei que o sucesso fosse a uma escala mundial, o que me deixa muito orgulhosa e de coração cheio! O “Azul ou Branco” está a crescer muito também. A aceitação do público é grande e o que mais gosto é da reação dos concorrentes quando vão a estúdio. É um feedback muito pessoal e constante e para mim, como apresentadora, também nunca tinha apresentado um concurso e estou a aprender imenso. Não podia estar mais contente!

3. Como é trabalhar com o seu parceiro Tiago Girão no concurso do Porto Canal?
Eu adoro, mas adoro o Tiago! Engraçado que, no início, estava com um bocado de medo pois toda a gente me dizia que trabalhar em dupla era difícil  e como eu sempre apresentei programas sozinha… Mas foi toda uma surpresa boa. Eu e o Tiago temos registos completamente diferentes: ele muito mais calmo e ponderado, eu sempre muito extrovertida e cheia de energia. Esta diferença acabou por se traduzir num equilíbrio enorme e num entendimento que acho que se sente. Depois nós somos amigos, não somos só colegas e há uma abertura enorme para quando algum não gosta de alguma coisa poder dizer. Eu confesso que aprendo imenso com o Tiago, mas acima de tudo, ele dá-me segurança. Sei que se eu exagerar lá está ele para me proteger.

4. Como surgiu a oportunidade de entrar na televisão?
Surgiu há 10 anos atrás. Estava eu ainda na faculdade e houve um casting para o Porto Canal que ia abrir. Eu fui sem saber para o que ia. Nunca tinha feito um casting na vida e passados 10 dias fui chamada para ir ao canal falar com o Bruno Carvalho que era o diretor e fiquei. Começou esta aventura até hoje…

5. Está satisfeita com este mundo televisivo?
Estou! Não me posso mesmo queixar. Foram-me dadas oportunidades incríveis, trabalho com pessoas espectaculares, sinto-me uma sortuda.

6. Gostava de trabalhar nos canais generalistas ou prefere canais regionais?
É importante primeiro que se perceba que o Porto Canal não é um canal regional, mas sim um canal generalista e para todo o país. Eu gosto é de trabalhar e de ter projetos bons pela frente que me façam sentir realizada. Se é num generalista, num canal por cabo ou em 45 países do mundo desde que esteja a aprender e feliz é o que interessa.

7. Acha que a saída do Porto Canal da NOS retirou visibilidade ao canal?
Não vou mentir, claro que tirou. São dados estatísticos e sentimos nas audiências, mas acredito que brevemente a NOS e a MEO se vão entender, pois o Porto Canal é demasiado importante para não estar em todas as plataformas. Há imensa gente que sente a ausência do canal. Sou constantemente abordada por pessoas que sentem mesmo falta da nossa companhia!

8. Quais são as suas perspetivas para o futuro?
Eu não gosto muito de pensar no futuro, prefiro viver o presente mas espero poder continuar a ter oportunidades e projetos diferentes, trabalhar e aprender com mais pessoas e assim cresço como profissional.

9. Mensagem para o site:
Continuem o vosso excelente trabalho. É muito importante haver sites especializados e bem feitos nesta área.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close