“Dancin’ Days”: 16 a 22 de setembro

Anterior1 de 4Seguinte

Cab_Dancin DaysEsta Semana em “Dancin’ Days”
(16 a 22 de setembro)

325º Episódio

Bernardo e Teresa discutem em grande tensão. Ela acusa-o de se ter transformado desde que se reaproximou da ex-mulher. Ele, por seu lado, assegura que mudou muito antes de chegar a este ponto, por já não conseguir ouvir a sua voz, nem suportar a sua arrogância. O advogado diz compreender o ex-marido, Francisco e porque é que toda a gente a abandonou, pois até na cama é uma pessoa controlada e fria. Teresa tenta esbofeteá-lo mas Bernardo agarra-lhe a mão e dispara que sabendo quem foi o pai dela se percebe porque é que é assim. Teresa fica intrigada e Bernardo abre de vez o jogo, revelando que o seu pai entregou o dela às mãos da PIDE, atirando-o para a morte, só porque reivindicou melhores condições de vida para os que trabalhavam nos campos. Teresa fica atordoada e Bernardo prossegue com as ofensas à sua família. Ambos recordam um ao outro que foram cúmplices de crimes, embora percebam que não se podem acusar, sob pena de serem presos. Teresa exige ao marido que lhe devolva tudo que foi comprado como seu dinheiro mas ele vira-lhe as costas sem mais uma palavra. Teresa fica a chorar, desesperada.
Gui e Filipa tomam o pequeno-almoço num ambiente de alguma tensão, depois da discussão da noite anterior. Ela justifica que só falou dos hotéis, por entender que Mariana devia ter voz ativa na gestão, uma vez que os bens foram deixados à filha de ambos. Gui está ainda amuado e desvaloriza o assunto. A namorada prepara-se para sair quando Nádia chega. Apesar de estranhar a sua presença, cumprimenta-a cordialmente. Gui disfarça o embaraço e apresenta-lhe a estagiária. Filipa diz que vai levar Carolina à creche e Gui agradece, encaminhando Nádia para o seu gabinete.
Mariana preenche, animada coma ajuda de Nonô, a ficha de inscrição para se candidatar com ela a assistente de bordo. A amiga confessa que ainda não contou à mãe, pois com o azar que anda, nem deve ser escolhida. Mariana acha que vão ser recrutadas as duas.
Teresa procura Duarte e conta-lhe que Bernardo saiu de casa mas, sem perder a altivez, diz já ter percebido que não adianta insistir quando as coisas não funcionam. O filho trata-a com frieza e quando ela confessa sentir-se abandonada, responde-lhe que está na altura de entender que é ela que afasta as pessoas. Teresa avança para a ideia que levava em mente e propõe que voltem a ser uma família de novo, pois para ela os filhos são o mais importante que tem. Duarte desfere o golpe final e assegura que para que isso aconteça ela deverá entregar-se à polícia e confessar que matou o pai. Teresa insiste em afirmar que Francisco não prestava e que só matou para se defender. Duarte acaba com a conversa dizendo que tem de levar Martim à creche e recusa que ela o acompanhe e ao neto. Teresa vai embora agastada.
Júlia toma um chá com Raquel e lamenta o fim do casamento com Artur, culpabilizando-se por não ter conseguido esforçar-se o suficiente para o manter. Ao mesmo tempo, reconhece que não é possível escolher por quem se apaixona. A irmã esforça-se por animá-la e Júlia desafia-a a acompanhá-la numa viagem a Itália onde deixou muitos amigos. Com o pretexto e ficar a tomar conta do Dancin’ Days e de ter de realizar alguns exames médicos para saber se o cancro não reincidiu, Raquel recusa. Júlia fica desconfiada de que ela lhe está a esconder alguma coisa.
Hernâni aparece na loja de Nicole de lágrimas nos olhos e a mulher pensa que ele está triste porque Tânia preferiu a companhia dos amigos à sua. Hernâni esclarece, quase a chorar, que está triste por se ter lembrado dela vestida de pirata e ele sem conseguir arrebitar a perna de pau. De seguida vai-se embora cabisbaixo, dizendo que vai trabalhar para casa de Alberto, pois ao menos serve para isso. Nicole fica preocupada com o desânimo do marido.
Ester ralha com Alberto, que se esqueceu de enviar o camião a um fornecedor de Palmela, onde deveria ir buscar vinhos. O marido levanta-se e diz que vai resolver o problema.
Ester liga a Áurea e filha conta-lhe que foi levar Bruno ao centro comercial para estar com os amigos. Áurea fica entristecida quando conta à mãe que continua sem notícias de Inês. Entretanto, Bruno conta aos amigos a doença que a irmã tem, depois de tentar ligar-lhe e constatar que continua com o telefone desligado.
Cristóvão continua a lamentar-se por não ter ganho o concurso da agência espacial e Sónia confessa que já está farta das suas lamúrias. Ivo também não está melhor e carrega a culpa pela morte do irmão, apesar de Matilde insistir que ele não teve qualquer responsabilidade. Ivo escandaliza Cristóvão que precisa de ir meditar e que começou a fazê-lo todo nu, para as energias fluírem melhor. Matilde sugere a Cristóvão que passem da teoria à prática e ele pensa que ela quer finalmente chegar a vias de facto. A namorada irrita-se e explica que o que quis dizer foi que deviam comercializar o invento que ele criou, vendendo-o a um laboratório. Cristóvão percebe que Matilde não gostou do que ele disse e oferece-lhe uma caixinha de biscoitos, deixando-a muito contente.
Teresa contacta Ramiro e pede ao antigo caseiro da herdade dos pais para se encontrar com ele, dizendo que precisa de esclarecer uns assuntos. O homem dá-lhe os sentimentos pela morte de Francisco e aceita recebê-la em Ferreira do Alentejo, onde ainda vive. Logo a seguir, Teresa faz uma chamada para Bernardo mas o telefone está desligado. Ela murmura que não é por não lhe atender o telefone que vai desistir. Agarra na mala, nas chaves e sai de casa.
Bernardo aguarda por Rui e Paula, contemplando a paisagem. Quando o filho chega, corre para ele e beija-o muito feliz, dizendo logo que a mãe não deixou levar o helicóptero que ela lhe tinha dado. Bernardo pergunta-lhe se ele gostaria de andar no avião a sério e, perante a anuência do pequeno fazerem uma viagem, assim que a mãe tenha férias. Paula diz estar disponível na próxima semana. O passeio fica marcado e, enquanto Rui vai comprar um gelado, Paula pergunta a Bernardo se não vai mesmo voltar para Teresa. Ele é perentório a negar essa possibilidade e avança com a ideia de comprarem uma casa maior, até porque podem vir a ter outro filho. Paula prefere ver se as coisas entre eles vão mesmo correr bem, mas Bernardo promete fazer tudo para que ela e Rui sejam felizes a seu lado.
Duarte conta a Gui que a mãe o procurou para dizer que Bernardo saiu de casa, adivinhando que agora que está sozinha outra vez, a mãe vai passar o dia a telefonar-lhes. Gui confessa que tem passado muito bem sem ela, ao mesmo tempo que troca sorrisos com Nádia, que está na receção do hotel. Duarte revela que voltou a impor a Teresa, para voltar a respeitá-la, que ela se entregue à polícia por ter morto o pai. Ao olhar para o irmão, estranha que ele esteja com um sorriso nos lábios, sem se aperceber que ele está a olhar para a estagiária. Gui pergunta-lhe se voltou a falar com Júlia e Duarte conta que ela não o atendeu quando lhe ligou. O irmão insiste para que ele não desista de a reconquistar, agora que estão os dois outra vez sozinhos. Duarte fica a pensar no assunto.
Artur e Duarte assinam o divórcio de forma cordial. Na despedida, ele aconselha-a a ir atrás do que a faz feliz, caso contrário irá arrepender-se mais tarde. Júlia fica comovida com o incentivo velado para que procure Duarte.
Filipa comenta com Jorge o divórcio de Artur e a surpresa que isso lhe causou. Repentinamente, estremece com um arrepio e confessa que está adoentada. Jorge manda-a para casa e recebe uma mensagem que o deixa eufórico. De imediato liga a Carminho que está a trabalhar na clínica e conta-lhe que ganharam a viagem a Las Vegas. Carminho explode de alegria e partilha a sua felicidade com Lúcia e Urbano. O médico sugere-lhe logo um roteiro turístico.
Isabel está a escolher um chá com Isabel na loja esotérica e solta um grito quando Ivo lhe aparece todo nu pela frente. Com a cara tapada, é Luísa que a guia para fora da loja. Ele lamenta-se por estar mergulhado num mar de pessimismo por ter contribuído para a morte do irmão e Luísa, carinhosa, diz que o vai pescar e abraça-o.
Gui insinua-se a Nádia e estende-lhe o cartão do seu quarto. Ela não se faz rogada e não o rejeita. Duarte cruza-se com o irmão e ele diz que vai para o quarto porque está com dor de cabeça. Duarte fica desconfiado.
Júlia desafia Nicole para passar uns dias consigo em Itália mas a amiga receia não vai colocado obstáculos como ter de deixar o marido e a filha, as lojas, para além de recear perder-se no aeroporto quando regressar e de não estar à altura dos amigos de Júlia. Esta desmonta todos os argumentos e, quando Nicole lhe conta que Hernâni está com um problema psicológico que lhe retirou a virilidade, diz que ainda é mais uma razão para o deixar à-vontade, para que não se sinta pressionado. Nicole entusiasma-se e pede a Júlia que compre o seu bilhete.
Teresa fica petrificada quando Ramiro, o homem que foi caseiro na herdade da família em Ferreira do Alentejo, confirma que o pai dela denunciou o pai de Bernardo à PIDE, fazendo com que fosse assassinado.
Gui e Nádia ardem de desejo e começam a fazer amor no quarto dele no hotel. Ela ainda pergunta se não irá aparecer alguém, mas acaba por entregar-se.
Alves Cardoso conversa com Raquel na presença de Babi e confessa que a sua estratégia de confessar a morte de Hugo foi fundamental para ganharem tempo de que resultou a sua absolvição e de Júlia. O advogado vai embora e Babi elogia a atitude heroica de Raquel e o facto de se ter transformado noutra pessoa. Esta afirma que se limitou a retribuir os sacrifícios que a irmã fez por ela mas que se sente estranhamente vazia. Babi é de opinião que ela precisa de um namorado. Raquel confessa que está com receio da mamografia que vai fazer e Babi dispõe-se a ir com ela, que se mostra grata por isso.
Filipa regressa mais cedo ao hotel e encontra Duarte, pedindo-lhe que não se chegue perto dela, pois está com uma grande constipação. Aproveitando o facto de o encontrar, pergunta-lhe se sabe de Gui, que não atende o telemóvel. Duarte fica algo atrapalhado e diz que não sabe dele mas assim que Filipa se afasta rumo ao quarto, apressa-se a ligar ao irmão, pressentindo que ele está a fazer algo que não deve. Duarte fica aflito sem saber o que fazer, porque ele não atende o telefone.
Na cama, Gui e Nádia soltam gemidos de prazer, enquanto Filipa se encaminha adoentada até ao quarto. A primeira tentativa para abrir a porta falha e Filipa resmunga que já devia ter trocado o cartão. Depois de finalmente conseguir entrar, Filipa dirige-se ao quarto e, ao olhar para a cama, pronuncia com espanto o nome de Gui.

Anterior1 de 4Seguinte
Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

  • di

    gosto da parte do texto em que diz que : “Artur e Duarte assinam o divórcio….”

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close