"

Hugo Andrade: «O Jorge Gabriel disse que eu tinha de mudar a “Praça”»


polémica sónia araújo e Jorge Gabriel

Hugo Andrade responde a Jorge Gabriel

Jorge Gabriel, desde que foi afastado da “Praça da Alegria”, tem vindo a mostrar a sua indignação à imprensa e não se tem poupando nas críticas à RTP1 e ao seu diretor de programas, Hugo Andrade.

O responsável pela grelha da RTP1, numa grande entrevista concedida à TV Guia, responde pela primeira vez ao antigo apresentador do talk show das manhãs.

Hugo refere que «ao longo dos anos, e ainda recentemente, ele disse-me que eu tinha de mudar muita coisa na “Praça da Alegria”», contou, referindo-se a Jorge Gabriel.

O diretor de programas da estação pública avança ainda que «muitas vezes ele esteve aqui no meu gabinete a dizer-me que a equipa estava rotinada, que a equipa não inovava… Ele foi o primeiro a entender que era preciso mexer».

Para terminar o assunto, Hugo Andrade sintetiza tudo numa frase: «o Jorge tem uma maneira de estar num dia e outra noutro dia. Mas isso é humano».

Os pedidos de Jorge Gabriel foram atendidos pela diração. O que o apresentador não esperava era que as mudanças que tanto sugeriu a Hugo Andrade passassem também pela sua saída e de Sónia Araújo do programa.

Esta medida foi «necessária» explica ainda o diretor da RTP1 à TV Guia: «A Sónia e o Jorge são dois bons profissionais, mas, agora, para o projeto que queria, a Tânia e o João garantem-me, com as suas características, aquilo que o Jorge e a Sónia não garantem».

Hugo Andrade diz ainda que «Há uma tendência grande por parte dos apresentadores de centralizarem os projetos neles, mas eu confesso que para mim, os rostos são apenas uma componente do programa e nem sequer são a mais importante. Portanto, eu nem sequer pensei na Sónia e no Jorge. Pensei foi na “Praça da Alegria”».

Nesta situação, o irmão da apresentadora Serenella Andrade lamenta não ter conseguido avisar este desfecho da ‘Praça’ aos apresentadores: «O prolema, infelizmente, é que estamos num momento de pressão, de muito trabalho, para realizar todas as mudanças que queremos e quando nos preparávamos para lhes dar a notícia, ela saiu na imprensa. Ou seja, souberam pela pior maneira. Mas a primeira coisa que fiz quando cheguei ao Porto foi pedir desculpas à equipa», desabafa.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close