Tânia Ribas de Oliveira ausenta-se do “Agora Nós” [vídeo]


agora nós

José Pedro Vasconcelos apresentou esta manhã o “Agora Nós” sozinho. O comunicador assumiu a solo o talk show da RTP1.

Tânia Ribas de Oliveira ausentou-se da condução «por motivos pessoais», à quinta edição do matutino que estreou na segunda-feira.

«Por motivos pessoais eu hoje vou apresentar o programa sozinho, a nossa Tânia infelizmente não vai estar connosco. Tânia eu sei que nos estás a ver, vai daqui um beijinho. Estamos do teu lado», disse José Pedro Vasconcelos na abertura do “Agora Nós” (vídeo).

Já Tânia Ribas de Oliveira, um dia antes, tinha deixado uma mensagem no seu blog pessoal:

Bom dia! Antes de mais, muito obrigada pelo apoio e carinho que me têm dado com a estreia do Agora Nós! É um programa que me tem dado um enorme gozo fazer!É tudo novidade, por isso os primeiros tempos são de adaptação ao formato e por isso mais cansativos. Nada de extraordinário se eu dormisse bem à noite, o que não tem acontecido. Voltámos aos problemas de sono cá em casa!Sim, o Tomás adormece sozinho na cama dele desde o fim das férias, mas o pior é durante a madrugada. Na terça acordou às 5h30 da manhã e não quis dormir mais, apesar de todas as nossas tentativas. Ontem acordou às 3h30 e só voltou a adormecer depois das 5h, sendo que o meu despertador toca antes das sete… Não chora durante o tempo em que está acordado, mas chama-me até eu lá ir… Depois ali anda, vira, rebola, fala…O pai bem tenta poupar-me porque acordo mais cedo, mas o pequenino não me dá tréguas. A verdade é que tem aprendido muita coisa nos últimos tempos. Mudou de sala na creche no início do mês, tem mais amiguinhos da idade dele, partilham muitas brincadeiras e ele fica excitadíssimo. As rotinas dele em casa em termos de horários mantêm-se, chega à hora de se deitar e proporcionamos-lhe um ambiente calmo, luzes baixinhas, uma história, caixinha de música… Tudo de forma a que tenha um sono tranquilo e descansado, mas a meio da noite começa a festa. Ando exausta, essa é que é essa. Ao final de quase uma semana a dormir pouco mais de três horas seguidas, o meu corpo e a minha cabeça só pedem descanso. Enfim, é uma fase. Mas é dura… À excepção disso, está numa idade incrível de descobertas e de carinho.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close