“Espelho D’Água”: Resumo dos próximos episódios

"

313º Episódio (2 a 8 de abril)

Sara conta a Fernando que já tem o relatório médico que diz que tem cancro e ele diz que vai ligar a Varela para que entre com o pedido para a tirar da prisão.

Eunice rejeita as críticas de uma colega, dizendo que ela está a ser injusta ao acusá-la de já estar a pensar como os patrões e que com António recuperado a situação da fábrica se vai resolver.

Zé Paulo entra no Meia Desfeita com André, depois de terem ido correr e insiste em provar que está em grande forma. Cláudia, Horácio e André acham que ele devia abrandar o ritmo mas Zé Paulo para provar que não está gordo manda André colocar umas cadeiras como se fossem barreiras. Horácio acha que ele se vai dar mal e acerta na previsão porque logo ao primero saldo, Zé Paulo tropeça e fica no chão a contorcer-se com dores. André e Horácio apressam-se a socorrê-lo.

Bruno regressa à oficina e Vítor afirma que faz bem porque é ali o seu lugar. Bruno começa a dar ordens a Nelo e este revolta-se, recusando-se a continuar a ser explorado. Os dois quase chegam a vias de facto mas Vítor tenta evitar a briga. Sal chega naquele instante e Nelo faz-lhe queixas de Bruno e Vítor. Ela diz que não quer contestações e eles são obrigados a disfarçar, afirmando que não estão a reivindicar nada e que trabalham em equipa.

Eunice insiste com Sérgio para que as trabalhadoras continuem a poder ter massagens na fábrica mas ele recusa, argumentando que se trata de uma despesa inaceitável e que não têm de satisfazer as ideias de Lucinda. Eunice irrita-se, enfrenta-o e lembra-lhe que são as trabalhadoras quem vão mandar na Faina Norte e que se ele não entende isso, será melhor encontrarem alguém mais competente do que ele. Sérgio fica atemorizado e engole em seco.

Renata discute com Lucinda acusando-a de trabalhar cada vez menos. Lucinda gaba-se do negócio que conseguiu com as massagens na fábrica mas a sócia lembra-lhe que nunca mais as chamaram. Nem de propósito, Eunice liga a Lucinda e marca mais massagens. Ela responde que esteja descansada que Renata fará tudo o que quiserem e que só sairá da fábrica quando todas as trabalhadoras estiverem atendidas. Renata sai so salão muito irritada e Flávio estranha aquele reboliço. Lucinda diz-lhe que tem duas clientes para atender e ele fica espantado. Lucinda justifica que está a dar uma prova da confiança que tem nele.

Pedro volta à carga para conquistar a Célia mas ela resiste e diz que apesar de gostar dele e de fazer um grande esforço para não o agarrar e beijar, só aceita começar uma relação com ele quando estiverem os dois em Portugal e não separados pelo oceano. Sergei dá conselhos a Pedro e fala-lhe do kursk, mas ele fica ainda mais deprimido.

Sara conta lavada em lágrimas a Fernando na sala de visitas da prisão que já recebeu o diagnóstico médico que revela que tem cancro no pâncreas e já com metastases noutros orgãos. Ele diz que vai ligar a Varela para entrar com o pedido para que ela saia da prisão e que vão ficar juntos como sempre deviam estar.

António está mais forte mas ainda no hospital. Rita conta-lhe que descobriu o plano se Sara para sair da prisão mas que a denúncia que fez a Romão de nada serviu. António diz que têm de impedir que a mãe lhes faça a vida num inferno outra vez e que para isso têm de se livrar da Faina Norte.

Fernando prepara-se para entrar em casa quando é confrontado com uma briga entre traficantes e socorre um deles, lutando violentamente com os outros dois e levando-os a fugir. Depois ajuda o outro homem e leva-o para dentro de casa para que se trate. O traficante decide depois ir embora, mas Fernando tira-lhe sem que ele veja, o saco com droga que os outros lhe queriam roubar.

Rita conversa com Filipa e fica estarrecida quando ela lhe diz que vai entregar a Faina Norte á mãe dela.

Rui vai a casa de Fernando com os seus capangas para saber o que é feito da dorga que o seu traficante tinha quando ele o ajudou. Fernando sente medo mas não demonstra e vai buscar o saco de coca, dizendo que o guardou para que os traficantes que atacaram o seu homem não ficassem com ele. Rui, com cara de poucos amigos, manda os outros embora para falar com Fernando a sós.

Ilda mete conversa com Sara e assume estar desconfiada de que ela não está tão doente como quer aparentar. Sara ignora a provocação e responde apenas que dentro de pouco tempo é possível que ela tenha outra companheira de cela para ser sua criada. Ilda dispara que tanto lhe faz.

Fernando está tenso e atrapalhado pelo tom agressivo com que Rui fala sobre o seu negócio de droga mas acaba por se oferecer para entregar o pacote que o traficante quase perdeu. Rui avalia-o e escreve a morada do cliente, dando-lhe menos de uma hora para fazer a entrega.

Rita discute com a mãe acusando-a de a ter traído mais uma vez ao negociar para si com Filipa a posse da Faina Norte. Luísa justifica que só o fez para entreter Filipa e tentar algum tempo até que António recuperasse. Rita fica dividida sem saber se deve acreditar no que a mãe lhe está a dizer mas Luísa consegue convencê-la das suas boas intenções.

Zé Paulo grita cheio de dores e pede a Renata que o ajude. Ela tem a tentação de se ir embora, irritada com ele, mas acaba por ficar. Cláudia e Elsa estão preocupadas com o tio. Zé Paulo confessa que é importante para ele não falhar desta, como aconteceu quando era jogador profissional e conseguir recuperar da queda por causa das cadeiras e para alinhar no jogo amigável.

Lucinda conversa com Flávio e André e reclama que Renata não é ambiciosa, assumindo que ela deve agarar a oportunidade de atender todas as trabalhadoras da Faina Norte, ficando ela como gerente. Os rapazes percebem que ela quer atirar o trabalho todo para Renata e colocam-se ao lado dela, deixando Lucinda irritada.

Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close