“Onde Está Elisa?”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 20 (15 a 21 de outubro)

Manuel diz a Francisca que Elisa não leu nenhum dos poemas que estão no caderno e mostra-lhe o poema escrito por Elisa. Francisca reconhece a letra da filha e acusa-o de ter escondido uma prova, mas comove-se ao ler o poema.

Carlos pede a Raquel que vá falar com Rui, enquanto ele vai tratar de outro assunto. Francisca pergunta a Manuel se tinha um caso com Elisa, mas ele nega e diz que ficou com o poema porque o encontrou em cima da mesa. Francisca pergunta-lhe se na noite da sessão de poesia esteve ali alguém de Colares e fica surpresa ao saber que Rui já havia ali estado a fazer a mesma pergunta.

Carlos vai à casa de strip ter com Yuri, que o recebe com agressividade e lhe fiz que não tem qualquer informação sobre o tráfico humano, mandando-o embora. Francisca e Rui conversam em tom hostil, com Francisca a ponderar a hipótese de a filha ter fugido com um homem mais velho, quando aparece Raquel para falar com Rui e Francisca, mostrando-lhes o retrato-robô que o empregado da hamburgueria fez do homem que viu.

Bruno fala ao telemóvel com Gonçalo e diz ao filho que está num hotel e que é melhor para todos. Gonçalo diz ao pai que não é o melhor para ele e pede-lhe que lhe conte o que aconteceu.

Constança ouve tudo atenta, escondida. Bruno diz que falam depois pessoalmente e diz ao filho que não vai voltar para casa nem quer falar com Constança. Gonçalo pergunta à mãe o que é que ela fez ao pai.  Francisca e Rui dizem que aquele retrato é muito vago.

Raquel diz-lhes que o retrato já está espalhado por tudo o que esquadra da PSP ou posto da GNR e entrega-lhe aquela cópia, dizendo-lhes para a analisarem melhor, pois é possível que já se tenham cruzado com aquele homem.  Inácio quer saber se Olívia já esteve com Alexandra depois de saber que ela era lésbica e Olívia diz que já sabia, quando recebe uma chamada de Rui. Rui diz à irmã que lhe trouxeram o retrato robô do homem, mas que não é grande coisa. Olívia pede que, mesmo assim, lhe mande uma foto do retrato para o telemóvel.

Olívia recebe o retrato que vê juntamente com Sebastião e Inácio. Este diz que pode ser qualquer homem, mas Sebastião diz que sempre é mais velho que ele.  Constança mostra o retrato-robô a Gonçalo, que tem um comportamento insolente com a mãe, mas que lhe diz que não podem ser nem ele nem Sebastião.  Raquel leva comida a Carlos e conta-lhe que o retrato não diz nada aos Menezes.

Olívia e Inácio despem-se para ir para a cama e Inácio puxa-a para terem sexo, a que ela acede, contrariada, mas sem manifestar esse sentimento ao marido. Carlos despacha subtilmente Raquel, que se oferece para lhe fazer companhia, mas ele prefere ficar sozinho.

Constança chega à fundação com ar abatido e não dá grande conversa a Olívia. Rui e Zé Pedro chegam logo de seguida e Rui pede a Olívia que fale com Constança porque ele e Zé Pedro têm uma reunião muito importante.  Zé Pedro diz a Rui que descobriu algo sobre Carlos que o vai surpreender muito e entrega-lhe uma pasta com papéis, que Rui abre com expectativa.

Carlos surpreende Francisca junto à campa da mulher e da filha, e conforta-o. Os dois quase se beijam, mas acabam apenas por se abraçar. Tiago observa tudo à distância com ar preocupado.

Rui quer saber como Zé Pedro arranjou aquele material e o amigo diz-lhe quanto menos ele souber, melhor.

No seu gabinete, Constança olha para uma fotografia de família.  Francisca entra em casa um pouco perturbada e o seu olhar recai sobre uma das fotos de família. Tiago diz a Carlos que já o avisou acerca de Francisca, mas parece que ele mão lhe quer dar ouvidos. Raquel entra e diz que Rui quer falar com eles os dois.

Rui diz a Tiago que um homem com os antecedentes psiquiátricos de Carlos não pode conduzir a investigação sobre o desaparecimento da filha dele, mostrando o conteúdo de uma pasta a Tiago e Carlos, que começa a perder a calma.  

Olívia está com Joana a ver os eletricistas a montarem a iluminação da exposição e quer saber o que se passa com Joana que está cabisbaixa, mas Joana disfarça a inquietude e diz que não se passa nada.

Tiago diz a Rui que ele não tem o direito de se meter nos assuntos da PJ e Carlos pergunta a Rui se, além de enganar a mulher, também é psiquiatra, deixando Rui tenso.

Rui sai da PJ e é cercado por Jornalistas, a quem diz que não sabe se a polícia está a fazer tudo para encontrar a sua filha.  Francisca fica furiosa ao ver as declarações de Rui na televisão. Francisca tenta falar com Rui, mas ele não atende.

Quando Francisca se prepara para sair, Sofia avisa-a que a jornalista Ana está lá fora e Francisca pede-lhe que a faça entrar.  Olívia censura Constança por estar sempre a implicar com Joana.

Constança conta à irmã que Bruno saiu de casa, confessando a Olívia que teve um caso sem importância e pedindo-lhe ajuda para salvar o casamento. Ana diz a Francisca que lhe quer pedir desculpas e surpreende-se com o pensamento retorcido da jornalista, que lhe pergunta por que é que Elisa andou a faltar uma semana às aulas.

Rui diz a Zé Pedro que Tiago protegeu Carlos e Zé Pedro confessa ao amigo que não percebe a embirração dele com Carlos, ao que Rui responde que Carlos quer ir para a cama com Francisca e está prestes a consegui-lo.

Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55

Comente

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *