“Bem Me Quer”: Resumo dos próximos episódios

“Bem Me Quer”: Resumo dos próximos episódios

Episódio 66 (11 a 17 de janeiro)

David faz uma última tentativa com Madalena para que ela não fique com os bens de Rodolfo, mas ela ignora-o, dizendo que vai ser assim que Rodolfo vai pagar por a ter enganado.

David sai irritado e Madalena fica a ler os documentos. Maria olha melindrada para a casa onde vai viver com Vera.

Artur justifica-se a Luzia que fugir com Maria era a única maneira de conseguir ficar com a filha, por saber que os advogados de Vera vão conseguir que ela fique com a custódia da filha.

Vera olha terna para Maria a dormir a seu lado. Pompeu expressa a Celinha que nunca se arrependeu de se ter casado com ela e beijam-se apaixonados.

Teodora expressa a Barnabé e Rafael o seu alívio por Pompeu ter percebido que Carolina só andava atrás da fortuna dele, e Rafael questiona o que irá acontecer agora a Carolina.

Carolina tenta justificar-se a Honório que só tentou prevenir-se tirando dinheiro a Pompeu por ter percebido que ele podia voltar para Celinha. Honório corta a conversa e diz-lhe que nada justifica o que ela fez e pede-lhe para sair de sua casa.

Todos falam da armadilha que Pompeu montou a Carolina para a desmascarar e Maria Rita diz que tem de contar isto a Henrique.

Carolina pede ajuda a Henrique, mas ele corta relações com ela. Henrique admite a Maria Rita que pagou a Carolina para a convencer a depor por ele em tribunal, mas que não se arrepende por a ter encontrado.

Vera contém-se por Maria não parar de perguntar por Artur, pensando que ele vai viver para ali com elas. Henrique pede a Vera para falarem.

Luzia olha aflita para Artur a exigir-lhe uma explicação para ter acolhido ali Mercedes.

Henrique insiste com Vera para desistir de levar Artur a tribunal pelo rapto de Maria, dizendo que se ela o fizer vai provar que é igual a Mercedes, que somente usa as pessoas mediante os seus interesses.

Mercedes argumenta a Artur que Luzia a deixou ficar ali para ela conseguir convencer Vera a não fazer queixa dele à polícia.

Laura pede a Henrique para que a readmita nas Cerâmicas. Henrique recusa, mas Laura lança o seu último trunfo, contando-lhe que Mercedes está em casa de Luzia e pode trazer-lhe informações sobre ela.

Leonor diz inconformada a João Maria que nada justifica que Madalena queira roubar tudo a Rodolfo, mesmo que ele a tenha enganado.

João Maria diz à amiga que tem de se desligar dos problemas dos pais, tal como ele faz, e acabam por se beijar.

Henrique confirma a Madalena que pelo que vê nos documentos, Rodolfo está cheio de dívidas, e que a única maneira dela se livrar desse problema passa por vender património.

Mercedes justifica-se a Vera que roubou Henrique por não se sentir amada e insiste para a filha não denunciar Artur à polícia, dizendo que um dia Maria a vai rejeitar se souber que ela fez isso ao pai.

Mercedes vai buscar as coisas que Vera lhe trouxe, mas um ladrão rouba-lhe tudo, deixando-a a chorar de raiva.

Carolina faz uma última tentativa para que Honório não a expulse e revela vingativa que mentiu sobre Maria Rita a ter empurrado para a lareira, deixando o pai desolado.

Teodora diz a Pompeu estar satisfeita por ele ser um homem livre e descomprometido, mas rapidamente muda quando ele e Celinha lhe dizerem que graças a ela não se chegaram a divorciar.

Artur abre a porta a um polícia e percebe que Vera o denunciou pelo rapto de Maria. Polícia diz a Artur que está sob suspeita do rapto de Maria, Vera chega e indica que Maria está consigo.

Madalena fica espantada por ver as roupas de Leonor espalhadas na sala e estaca gelada por descobrir um preservativo usado no chão.