"

“Quer o Destino”: Resumo dos próximos episódios

Episódio 43 (11 a 17 de maio)

Alfredo termina de cantar e recebe muitos aplausos. Patrícia salta-lhe para o colo, Joana assiste a tudo e sai magoada.

Hugo pergunta que história era aquela de Guilherme, mas Vitória faz-se desentendida. Maria pergunta a Pablo se avança com o agenciamento de Alfredo e ele responde que sim.

Diogo pergunta à mãe porque o pai não pode voltar, ela explica que estão chateados.

Diogo pede para Nuno deixar de ir lá a casa e Carla fica desolada. Alfredo está feliz com a atuação e Elvira assente que ele está metido em sarilhos e sai.

Patrícia traz copos para todos brindarem ao sucesso de Alfredo, mas Maria diz-lhe que vão ter de falar de negócios e afastam-se.

Vitória pergunta a Carlos o que disse a Guilherme, e desconfia que ele sabe de alguma coisa.

Sandra abre a porta a João e ele vê no portátil os anúncios da carrinha, e pergunta-lhe se quer companhia para viajar.

Sandra goza com ele, e de saída, João beija-a. Hugo pede a Alfredo para ter cuidado com o contrato com Pablo e comenta a maneira como Patrícia o trata.

Hugo já no quarto, é interrompido por Alfredo, que lhe pede para dormir com ele.

Hugo entra no quarto de Carlos e recorda a situação de Guilherme e Vitória.

Abre as gavetas do irmão e descobre uma fotografia de Vitória à 14 anos, e analisa as parecenças com uma fotografia atual.

Vitória quer falar com Guilherme por causa da conversa estranha que ele teve no café e Carlos vai procurá-lo para perceberem o que ele sabe.

Carlos entra no quarto, e percebe que Hugo está na sua cama e expulsa-o dali. Hugo entra no seu quarto e enfia-se na cama enquanto Joana põe Alfredo a dormir no sofá.

Vitória sonha com Guilherme, o pai e a sua vingança e acorda em sobressalto. Vitória com ar cansado, cruza-se com Lucas e pergunta como correu a conversa com os irmãos, mas este conta que Marcos negou tudo, mas agradece a ajuda dela.

Elvira penteia Catarina e conta como foi a noite no café. Mateus entra e Elvira anui que até Guilherme apareceu e começou a dizer disparates a Carlos sobre a festa da Senhora do Ó.

Catarina e Mateus estremecem só de ouvir o nome Guilherme. Carlos anui ir procurar Guilherme e Vitória pede-lhe para gravar a conversa.

Hugo aparece e confronta-os com as parecenças de Margarida e Vitória, deixando-os sem saber o que dizer.

Catarina pede a Mateus para se assegurar que Guilherme vai manter-se calado, para ninguém descobrir que Adriano não se atirou ao rio.

Vitória mostra o cartão de cidadão a Hugo para comprovar que se chama Vitória. Carlos avisa-o para parar com a brincadeira, para não haver rumores na vila.

Mateus diz à mãe, que achou que o dinheiro e o álcool calassem Guilherme, mas Catarina indica-lhe que não podem deixar pontas soltas do caso Adriano, porque o crime ainda não prescreveu. Mateus sossega-a e promete não a desiludir.

Nuno tenta beijar Carla mas ela evita, e diz-lhe que acha que foram demasiado rápido e o melhor é terminarem. Lucas aguarda Catarina e Vitória para as levar à radioterapia.

Catarina pede ao filho para não falar da mulher com quem vive e Lucas sente-se magoado.

Nuno pergunta se tem certezas da sua decisão e Carla responde que está a fazer isto pelos filhos. Nuno acha que a vida ainda lhes pode dar outra oportunidade, beija-a e sai.