“Terra Brava”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 124 (20 a 24 de abril)

Diogo entra e encontra Rita a chorar. Ela diz que não consegue superar morte de Mário. É uma assassina. Diogo abraça-a. Ela beija-o. Diogo diz que não a quer magoar. Rita insiste e ele deixa-se levar. Envolvem-se. 

Eduarda diz Diogo que ficou cheia de ciúmes de o ver com Rita. Diz que larga tudo, faz o que ele quiser só para não o perder. Quer que fujam juntos para longe. Diogo diz que relação deles acabou, se for preciso vai embora.

Carlos quer levar Sara andar de barco e fazer piquenique. Ela está preocupada com o que pode acontecer a Beatriz. Carlos diz que se ela viu algo pode confiar nele. Sara mente. Aceita convite para andar de barco.

Raul guarda tudo o que tem a ver com Elsa “Santinha”. Elsa diz que vai fazer um comunicado, quer ser perdoada. Raul está farto das mentiras dela, sabe que ela queimou o vestido de Xana.

Mercedes não sabe como ajudar Afonso e Xana que ficaram sem decoração nem lugar para fazer a festa. Diz para falarem com Eduarda. Xana não quer. Mercedes mostra vestido. Afonso vê. Xana não quer o vestido

Carla nervosa pede a Rita para dar injeção à paciente, tem de ir ter com a Xana. Rita olha a seringa e lembra-se do dia em que Mário morreu. Mente, diz que não pode e sai apressada.

Beatriz encara mãe, quer saber se foi ela que deixou arma carregada. Discutem. Eduarda diz que mentiu à guarda porque não pode ser acusada de mais nada. Beatriz furiosa diz que só não vai embora para causa de Martim.

Diogo de visita. Ele e Mafalda conversam animados até a chegada de Tiago. Este fala mal para Diogo que decide ir embora. Tiago diz Mafalda que está com carga viral muito baixa. Joana e Mafalda felizes.

Henrique diz que vai pedir indemnização. Diz que processo contra Beatriz já está com Juiz, é crime público. Não está nas mãos dele. Pergunta sobre Carlos. Tomás diz que ele e Joana são amigos. Defende-a.

Raul desabafa com Prazeres. Ela canta música de Marco Paulo não liga. Ele diz que pelo menos pode contar com ela. Prazeres diz que o odeia, para ele desabafar com a esfregona.

Catarina ainda desiludida com atitude da mãe. Marco conta a Carla o que aconteceu. Quer que ela veja casas que arranjou. André entra. Entre todos tentam arranjar solução para casamento de Xana e Afonso.

Candy conta Rosete que ouviu Tiago a dizer que ainda ama Beatriz e que ela não era nada quando as comparava. Rosete diz para ela esquecer Tiago. Candy chora, ama muito Tiago.

Afonso triste diz tia que não gostava de dar à Xana casamento de sonho. Tudo corre mal e não consegue ajuda de ninguém. Rosete diz que fazem a festa no Carrossel, elas organizam tudo, para falar com Xana.

Beatriz diz pai que recebeu 9 anulações de inscrições. Tudo para causa do tiro. Francisco diz que chegaram inspetores do ministério de trabalho e da Segurança Social. Beatriz consternada. Saem os dois para ir ter com eles.

Diogo entra e encontra Rita a chorar. Ela diz que não consegue superar morte de Mário. É uma assassina. Diogo abraça-a. Ela beija-o. Diogo diz que não a quer magoar. Rita insiste e ele deixa-se levar. Envolvem-se.

Eduarda despede-se de Vladimir, ele diz q vai a Lisboa mas volta para despedirem-se em condições, vai fazer-lhe a transferência, não é por falta de fundos q vai perder as eleições.

Tiago aflito para  falar com  Candy, Rosete diz q ela não está e acusa-o de estar a fazer sempre a fazer-lhe mal, ele pede q lhe entregue uma carta.

Rosete acha q Tiago está mesmo arrependido, Candy não quer sabe, nada vai apagar a humilhação q passou ao ouvi-lo declarar-se à ex-mulher, não quer ler a carta.

Beatriz sabe q quem deixou a arma foi a mãe, Norberto não acha justo arcar com as consequências, ela só quer proteger o filho e esperar q passe o casamento de Afonso.

Afonso diz q não há alternativa o copo de água tem de ser no carrossel, Xana prefere não ter e ir logo de lua-de-mel. Afonso aflito q não tratou de nada, André percebe.

Elsa lê o texto a Vasco para pedir desculpa às pessoas, Vasco adora e diz para publicar. Elsa adorava ir ao casamento de Xana, diz ao pai q acha q já pode abrir o café.

Rita descansa Diogo, sabe que ele não a ama. Sara preocupada com Beatriz, Diogo diz q está bem, comenta com Carlos q acha q Eduarda nunca vai confessar-lhe nada.

Beatriz vai pedir ajuda à mãe de Xana para tratar lua-de-mel. Afonso não quer a opinião da mãe. Eduarda não vai assumir as culpas da arma, não quer atrapalhar a campanha.