“A Teia”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 17 (10 a 16 de dezembro)

Tiago diz a Simão que ele vai continuar detido. Simão fala ao telefone com Lara e conta-lhe que os indícios apontam para ele como o principal suspeito e pede-lhe ajuda enquanto advogada.

Humberto lava garagem, quando Lara entra e repara no que ele está a fazer. Lara pergunta a Humberto se encontrou algum garrafão de combustível vazio. Lara entra em casa e Isaura percebe que Lara não apurou nada sobre o combustível. Isaura tenta convencer a filha que Simão está a mentir para tentar salvar a própria pele.

Elvira tenta convencer Dalila a confirmar se Domingos é o dono da mota. Dalila aproxima-se de Domingos e pela conversa percebe que ele não é o motoqueiro que ameaçou Elvira. Domingos vem a falar ao telemóvel, entredentes, diz que ninguém desconfia deles, cruza-se com Mayra que estranha a conversa.

Diana, de saída, pergunta a Tiago se quer ir comer alguma coisa, mas Tiago declina por ter a família à espera. Tiago liga para um colega da PJ de Lisboa, perguntando-lhe o que sabe sobre Diana.

Diana abre uma aplicação no tablet de consulta de psicologia online, respira fundo e prepara-se para falar. Tiago entra em casa e diz a Cláudia que não janta por ter de ir a Lisboa.

Diana continua a consulta de psicologia, afirmando não se sentir culpada de ter dormido com Tiago por o casamento dele ter acabado quando a filha ficou em coma. Joana revela a Cecília que o bebé que está à espera não é de João Maria, mas sim de Paulo. No hospital Cláudia diz a Flor, que ela e Tiago a vão adotar.

Maria tem um pequeno espasmo num dedo, mas ninguém vê. Tiago conversa com Elvira, pede-lhe que impeça o processo de adoção. Inês acorda agitada e Augusto abraça-a. Simão continua preso e rejeita a refeição que o guarda lhe traz.

Tiago e Diana informam Augusto que precisam que Inês preste declarações e Augusto diz que não vai permitir que massacrem a neta.

Mónica pede a Augusto que vá com ela falar com uma cliente e pede a Mayra que os acompanhe também e finge que procura alguém, diz que se calhar a cliente se foi embora. Lara entra no gabinete de Augusto e encontra algo na mochila de Inês que a deixa siderada. Augusto entra com Mayra e Lara esconde-se.

Lara visita Simão e confronta-o com o que encontrou na mochila de Inês e Simão fica comprometido. Jaime, Elvira, Dalila e Ricardo estão reunidos e Dalila diz que não foi Domingos, mas Elvira não acredita e pergunta a Ricardo e Jaime se é então para avançar.

Humberto confessa a Valdemar que Dalila tem um amante, que é o homem da manutenção dos armazéns.

Domingos trabalha, as luzes apagam-se e Humberto fica alerta. Domingos tenta perceber o que se passa e de repente uma mira de lazer incide sobre o seu peito e Domingos foge. Humberto avança na sua direção, e quer saber o que é que Domingos tem com Dalila e Domingos nega tudo.

De repente as luzes voltam a apagar-se e a mira do lazer volta a ficar apontada à testa de Domingos. Humberto chega a casa e conta a Dalila que foi pedir satisfações a Domingos por ele se andar a atirar a ela e comenta que havia um atirador atrás dele.

Ricardo e Elvira entram e informam Jaime que já conseguiram assustar Domingos, agora só falta Jaime fazer a sua parte. Domingos entra em casa recebe mensagem que o deixa ainda com mais assustado. Patrícia discute com Joana que lhe diz que têm que conseguir continuar com as suas vidas e revela que o bebé que espera é de Paulo.

Cecília conversa com João Maria, que está destroçado por ter ficado a saber que o filho que Joana esperava, não é dele. João Maria confronta Joana sobre se o filho é de Paulo e Joana diz que está a lutar pela sua família e põe um ponto final na relação deles. Joana desabafa com Cláudia e esta revela que está a pensar adotar uma criança.

Na instituição, Elvira exige que Flor coma bem para que o casal que está interessado em adotá-la vejam que ela está saudável. Simão segura caixa de fósforos com logótipo do Hotel e pede para falar com o inspetor. Inês está perturbada e agarra num isqueiro e acende.