“A Teia”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 119 (1 a 7 de abril)

Lurdes faz a cama de Matilde, ficando intrigada por ela não lhe responder. Matilde ignora as chamadas de Gonçalo e guarda a folha que escreveu num envelope, com ar de quem tomou uma decisão.

Patrícia percebe que Gonçalo sabe alguma coisa sobre Matilde, mas o irmão fecha-se em copas. Cecília pede preocupada a Gonçalo que faça alguma coisa para ajudar Matilde, pensando que a filha anda somente com problemas amorosos.

Gonçalo fica magoado com Matilde por ela lhe dizer que não quer ficar surda como ele e acusa-o de estar contente com aquela situação. Matilde chora desesperada ao perceber que deixou de ouvir completamente.

Mayra fica atónita por Mónica lhe dizer que vai continuar com Ricardo, salientando que a única coisa que quer é ficar junto do homem que ama. Ricardo diz aliviado a Jaime que Mónica o perdoou e vão continuar juntos. Vera e Mário vêm o vídeo de Ricardo, que já se tornou viral na internet, tendo sido acrescentado no fim a imagem do assassino a dizer que ninguém sai impune.

Vera fica a olhar pensativa para a imagem da figura mascarada, a tentar perceber quem pode estar a retomar o plano de vingança de Diana.

Humberto liga a Cecília e conta-lhe que viu João Maria e Liliana a beijarem-se e fica espantado por Cecília não concordar com esse namoro. Joana ouve espantada Gonçalo a contar-lhe que Matilde está com problemas graves de surdez e não quer, nem a sua ajuda, nem que ninguém saiba o que se está a passar.

Cecília liga para Matilde, que não atende. Deixa-lhe uma mensagem de voz a pedir-lhe desesperada que confie nela e a deixe ajudá-la.

Liliana conta a Lara que beijou João Maria, mas que ele rejeitou-a, e Lara aconselha-a a não desistir dele, dizendo que ele pode ainda não ter esquecido Joana. Simão olha expectante para Marta, que veio da Escócia com Little John.

Simão pede a Lara para falarem a sós e Julie fica furiosa por ela aceder, seguindo com ele para o quarto.

Simão diz a Lara que tem de cortar com Julie o quanto antes, por ela não ser quem ela pensa, contando-lhe que ela agrediu e violou uma mulher.

Lara acusa Simão de estar a usar os seus piores receios, para a separar de Julie, não acreditando em nada do que ele disse.

Julie fica em choque, por Lara lhe contar que Simão a acusou de ter violado uma mulher, saindo porta fora.

Simão diz a Marta que Lara só vai acreditar que Julie a violou se ela própria lhe contar isso na primeira pessoa, mas Marta recusa, dizendo que Julie é muito perigosa. Tiago segue disparado para os wc´s ao ouvir uma mulher a gritar aflita e liga para Mayra a pedir-lhe que chame imediatamente uma ambulância.

Mayra chama Jaime e diz-lhe que aconteceu algo muito grave ali. Matilde está estendida no chão com os pulsos cortados, Jaime não perde tempo e pega na filha ao colo e leva-a para o hospital.

Jaime entra desesperado junto à maca de Matilde, que é levada pelos paramédicos. Cecília atende chamada de Jaime, caindo em choque no sofá com o que ele lhe diz.

Ricardo olha atónito para Mayra a dizer-lhe ter ordens de Jaime para não o deixar tocar em mais nenhum documento dos armazéns, por ele o pretender despedir.

Ricardo ignora que Jaime lhe diga que Matilde está entre a vida e a morte e exige que ele lhe diga se é verdade que pretende despedi-lo.

Jaime confirma e diz-lhe não poder ter mais publicidade negativa nos armazéns. Cecília chora ao pé de Matilde, que está sedada em condição periclitante.

Ricardo conta a Elvira que Jaime o despediu e mostra-lhe um relatório da polícia, que confirma que não é Diana mas sim outra pessoa, que os anda a atormentar.

Matilde entra frágil em casa com Cecília e Jaime, que insistem com ela para que lhes diga por que se tentou matar e Matilde, sem conseguir ouvir nada, corre disparada para o quarto. Gonçalo fica em choque por João Maria lhe contar que Matilde cortou os pulsos.