“Vidas Opostas”: Resumo dos próximos episódios

"

314º Episódio (22 a 28 de abril)

Íris desanima por não conseguir ninguém para trabalhar na colecção solidária da MUVV. Ricardo ironiza sobre o regresso do pai à empresa quando Carla, muito alarmada, os vai chamar para irem á loja. Quando lá cheguem vêem vândalos a destruírem tudo à sua volta. Joel intervém mas acaba agredido.

Dora aparece de surpresa em casa de Eva e confronta Rodrigo com a notícia de jornal em que ele e a mulher são dados como envolvidos no tráfico de doping. Rodrigo fica sem saber o que responder à mãe.

Artur, Ricardo e Lucas discutem o plano para apanharem Rodrigo e através dele chegarem a Eva.

Ricardo consegue convencer Dora de que não tem nada a ver com o tráfico de doping e que tudo foi montado por Álvaro. A mãe diz que vai ficar com ele porque está de cabeça perdida.

Sara fala animadamente com as sócias da fundação. Milene pergunta-lhe se tem tudo controlado e Sara nem percebe que Milene se está a despedir dela.

Álvaro fica agastado quando Milene o procura em casa. Ela diz-lhe que vai querer ouvir o que tem para lhe dizer.

Íris está muito desanimada a olhar para uma foto de família quando Ricardo entra em casa com Maria, Alice e Hugo e anuncia que eles vão todos viver ali.

Álvaro fica possesso com o que Milene lhe conta que fez e ainda mais depois de ela começar a provocá-lo. Num impulso, Álvaro atira-se ao pescoço dela e começa a sufocá-la.

Íris está furiosa com Ricardo por ter levado Maria, Hugo e Alice lá para casa e por ele lhe ter mentido. Maria diz que vai ficar ali com a família porque correm perigo.

Álvaro estranha que Milene não se debata quando a está a estrangular e começa a desconfiar de uma armadilha ao ouvir as sirenes dos carros da polícia. Quando Filipe aparece com os seus agentes. Álvaro exibe as marcas que Ricardo lhe deixou quando o agrediu, dizendo que foi Milene quem lhas fez e que apenas se estava a defender. O inspector leva ambos para a esquadra.

Maria conta a Ricardo que Alice ficou muito contente junto de Miguel e Lurdes. Os dois falam de Íris e da forma como ela continua a defender o pai. Ricardo e Maria concordam que têm de descobrir as provas que Álvaro e Eva têm um contra o outro para que sejam presos.

Dora ouve a notícia sobre o envolvimento de Eva no negócio do doping. Rodrigo apressa-se a desligar a televisão e convida a mãe para passear.

Lucinha discute com Joel por causa da loiça suja. Ele diz que não foi ele e Salomé, ao perceber que foi Eva, acusa-se para continuar a esconder a filha mais velha.

Salomé reclama com Eva por ela ter saído do quarto e ela acha que podiam contar aos irmãos que está ali. A mãe não quer envolvê-los como cúmplices.

Vera encontra-se com Caio no bar da praia e entrega-lhe os papéis do divórcio para assinar. Ele pede-lhe para conversarem, assume que não se portou bem com ela e diz que quer ajudá-la. Vera responde que só quer que ele assine os papéis.

Lucinha pede desculpas a Aurora pela irmã e David vai levá-la a casa. Lucas quer que Aurora descanse e diz-lhe que já têm um plano para apanharem Eva.

Maria liga para a clínica a perguntar se Rodrigo lá está e até que horas fica.

Maria introduz-se em casa de Eva e liga a Ricardo a dizer que não está ninguém em casa, pedindo-lhe que lhe deseje boa sorte. Ele recomenda-lhe que tenha cuidado e que saia dali o mais rápido possível.

Maria procura pelas gravações que Eva tem contra Álvaro e é surpreendida por Dora que pergunta quem ela é.

Rodrigo tenta convencer um comprador a adquirir a clínica e ele pergunta-lhe se ele está com pressa de fazer o negócio por causa do escândalo que envolve a mulher.

Maria tenta enganar Dora e apresenta-se como empregada de Eva e Rodrigo. Ela fica desconfiada e liga ao filho a contar-lhe o que aconteceu.

Joel vai a casa de Álvaro para lhe falar sobre Íris mas ele trata-o com arrogância e acaba mesmo por ofendê-lo. Joel não perde a cabeça por pouco.

Íris desanima por não conseguir ninguém para trabalhar na colecção solidária da MUVV. Ricardo ironiza sobre o regresso do pai à empresa quando Carla, muito alarmada, os vai chamar para irem á loja. Quando lá cheguem vêem vândalos a destruírem tudo à sua volta. Joel intervém mas acaba agredido.