“Alma e Coração”: Resumo dos próximos episódios

"

234º Episódio (6 a 12 de maio)

Diana confronta Júlia e diz-lhe que Gonçalo é o «Português » e que é muito perigoso, assim que deixar de precisar dela vai descartá-la. Implora a Júlia para que a ajude a revelar a verdade e a limpar o nome de Rodrigo.

Gonçalo entrega a Marcelo um envelope com dinheiro e o bilhete de avião para regressar ao Brasil. Irónico, Marcelo diz que gostou de ver Júlia e está disposto a ajudar sempre que for preciso.

Vitória fala com Zé Maria por vídeochamada e tinha o computador no sítio e a porta de sua casa estava fechada. Não acredita que alguém o tenha ligado mas está preocupada.

Zé Maria reforça que alguém ligou dela e pode ter sido através de um tablet ou telemóvel. Avisa-a para ter cuidado e manda-a apagar tudo.

Rodrigo está muito agitado quando junta as peças todas e partilha com Diana. Acham que Zé Maria o tramou, obrigado por Gonçalo, e Vitória serviu de intermediário. Rodrigo tem quase a certeza que Gonçalo é o «Português».

Zé Maria conta a Gonçalo que alguém lhe ligou da conta de Vitória e este fica preocupado. Pede-lhe que fique atento. A seguir, Gonçalo fala com Júlia que está ansiosa com a ameaça de Marta e Gustavo. Gonçalo abraça-a e promete ajudar a resolver isso.

O agente da PJ informa Nelson que Gustavo andou à procura de Lucas. Nelson alega que não sabe nada dele e sugere que ele tenha fugido. O PJ fica desconfiado.

Aida atende um cliente na mercearia quando Deolinda entra. Falam de Raimundo e Aida acha que ela deve dar atenção ao que tem em casa mas Deolinda não lhe dá ouvidos.

Celso quer saber qual é o novo emprego de Raimundo mas este não revela. Rui treina o galo e comenta que acha o cantar do galo diferente. Esmeralda disfarça e manda-o levar o galo para casa.

João conta a Rodrigo que o filho de Alice não é seu, o que o deixa chocado. Declara aidna que vai assumir que é gay e ser feliz e Rodrigo alegra-se com isso. Falam sobre a investigação de Rodrigo e este está decidido a provar a sua inocência.

Vitória está preocupada por terem ligado a Zé Maria mas Clara não acredita que alguém tenha entrado em casa delas. No entanto, Vitória sabe que acederam à informação sobre a sua investigação.

Na rádio, um ouvinte diz a Celso que a namorada não o larga. Celso ouve atentamente e aconselha ao ouvinte passar de príncipe a sapo para a namorada acabar com ele.

Na marisqueira, Martim ouve programa de Celso. Sara avisa Martim que vai sair e manda-o para a cozinha trabalhar. Antes de sair, tira dinheiro da caixa e Martim fica intrigado.

Diana entra em casa e encontra Rodrigo feliz. Afirma que vai apanhar Gonçalo e mostra-lhe um documento a provar a sua teoria que ele é o «Português ».

Sara encontra-se com um homem desconhecido e arrenda uma garagem.

Rodrigo explica a Diana que o que têm não chega para a polícia prender Gonçalo nem para provar que ele é o «Português ». Diana recorda-lhe ainda que Gonçalo é perigoso e tem mais recursos que eles.

Na Somecel, Gonçalo diz a Nelson que precisa da proteção dele pois os marroquinos estão a chegar a Portugal e vão ter uma reunião. Nelson vai organizar tudo para não correrem riscos.

Adelaide chega a casa, cansada e conversa com Nestor sobre o estaleiro. Este entrega-lhe uma encomenda e ela abre, deparando-se com um cd. Fica muito perturbada e vai para a biblioteca.

Sara entra de mau humor na marisqueira e fala mal com Diogo. Este vai embora, magoado com ela. Numa mesa, Gustavo mostra a Marta o que tem contra Júlia, vão iniciar dois processos judiciais, um de impugnação e outro por bigamia.

Vitória não se sente segura em casa mas Clara não acredita que alguém tenha entrado ali. Está stressada com a consulta no ginecologista e Vitória observa que Celso é muito imaturo.

Raimundo chega cansado a casa com vestígios de maquilhagem. Celso repara nisso e quer saber porque é que o pai está naquela figura. Pergunta se Raimundo é travesti, o que o deixa ofendido. No entanto, não revela nada.

Diana confronta Júlia e diz-lhe que Gonçalo é o «Português » e que é muito perigoso, assim que deixar de precisar dela vai descartá-la. Implora a Júlia para que a ajude a revelar a verdade e a limpar o nome de Rodrigo.

Carmo e João conversam e ele conta que a mae aceitou, finalmente, que ele é gay e vai deixar de se meter na vida dele. Carmo responde que agora ele tem tudo para ser feliz.

Adelaide ouve o cd, nostálgica. É uma nova versão do tema que ouviu dias antes. Deolinda interrompe porque quer aspirar a biblioteca e Adelaide responde-lhe mal.

Na rua, dois sem abrigo assaltam Diogo que luta para que não lhe roubem o telemóvel. Os homens espancam-no e Carmo assiste a tudo e corre para o ajudar. Quer levar Diogo ao hospital mas ele recusa. Décide então levá-lo à clínica de João.