“Alma e Coração”: Resumo dos próximos episódios

"

80º Episódio (3 a 9 de dezembro)

Giacomo e Diana chegam ao matadouro e ela encaminha-o para o armazém onde viu o avô esconder o dinheiro. Dentro do armazém, Giacomo tenta descobrir onde está o dinheiro e quando Diana tenta fugir ele dá-lhe uma coronhada, deixando Diana inconsciente. Giacomo encontra o dinheiro e guarda-o num saco de viagem. Por fim, decide matar Diana mas André atinge-o primeiro, levando consigo o dinheiro e deixando a arma na mão de Diana para a incriminar.

Vera comenta com Leonor que precisa de ter uma casa sua e esta afirma que vai ter muitas saudades de a ter perto. Leonor consegue desabar com a tia sobre o que lhe aconteceu e Vera declara que ela é muito forte e que vai conseguir ultrapassar tudo.

Em casa, André está inquieto e, visivelmente nervoso pois sabe que tem de fazer alguma para silenciar Diana. As mãos tremem-lhe com a abstinência do álcool. Pega nas chaves de casa e sai.

Paulo fica tenso ao ver Francisca entrar na rádio. Sem que ninguém esteja à espera, Francisca poisa o telemóvel e expõe a gravação da tentativa de violação para que todos ouçam. Muito atrapalhado, Paulo tenta negar tudo.

Na sede do grupo fascista, Zé Maria joga na consola um jogo violento. Salvador chega e ambos partilham o quanto as suas família são disfuncionais. Quando Zé Maria conta que a mãe quase foi violada, Salvador propõe darem uma lição a Paulo.

O hipnotizador faz mais uma sessão de regressão a Diana e esta consegue finalmente ver o sítio onde Albano escondeu o dinheiro, está dentro dum buraco na parede dum armazém do matadouro no Porto. Giacomo obriga-a a ir consigo até lá.

André chega à porta da casa de Diana e guarda a arma que Giacomo lhe deu no casaco. Quando se prepara para sair do carro, vê Giacomo sair com Diana e estranha. Sem hesitar, segue-os de carro.

Rui está quase sem dinheiro outra vez e faz contas para perceber como é que isso aconteceu. Sem noção dos custos, Martim dá várias ideias para a inauguração do novo café de Rui.

Aida quer falar com os filhos para os preparar a viver sem ela, se for deportada. Leo não aguenta e sai de casa para que a mãe não o veja a chorar e Naomi vai atrás dele. Na rua, Leo chora em silêncio e Naomi implora ao irmão que ponha juízo na cabeça e que encontre um rumo para a sua vida pois Aida está a sacrificar-se por ele. Caso contrário, vai matar a mãe de desgosto.

Gustavo conversa com Marta sobre Leo e sobre a possível deportação de Aida. Martiriza-se por não ter conseguido ajudá-la mais e ainda tem esperança que ela se safe.

Júlia age de forma fria e distante com Fernando. Finge-se magoada com ele e testa-o, pedindo uma prova em como quer mesmo estar com ela. Fernando não reage pós está cansado dela.

Paulo pede ajuda a Vitória para limpar a sua imagem e reforça que Francisca está a mentir. Vitória declara que é difícil acreditar nele depois de ouvir a gravação. Paulo diz em voz alta que ninguém o vai afastar dali.

Ao verem Paulo e Vitória à conversa, Gil e Rodrigo comentam que Paulo quer o apoio dela. Rodrigo aguarda ansioso por uma mensagem de Diana.

Giacomo e Diana chegam ao matadouro e ela encaminha-o para o armazém onde viu o avô esconder o dinheiro. Dentro do armazém, Giacomo tenta descobrir onde está o dinheiro e quando Diana tenta fugir ele dá-lhe uma coronhada, deixando Diana inconsciente. Giacomo encontra o dinheiro e guarda-o num saco de viagem. Por fim, decide matar Diana mas André atinge-o primeiro, levando consigo o dinheiro e deixando a arma na mão de Diana para a incriminar.

Diana recorda o momento da sua infância em que Albano encontra a sua mãe, naquele mesmo armazém, depois de se tentar enfocar.

Muito nervoso, André tenta controlar-se depois de ter cometido o seu primeiro homicídio. Liga para a polícia e faz uma denúncia anónima, dizendo que há um morto naquele armazém.

Zé Maria e os seus companheiros fazem uma espera a Paulo e agridem-no quando este sai da rádio, avisando-o para não voltar a abusar de mulher nenhuma. Rodrigo presencia a cena e apesar de tudo, ajuda-o mas Paulo recusa ajuda.

No estaleiro, Adelaide estranha a ausência de André e pergunta a Vera por ele. Esta controla-se para não lhe dizer o que pensa e sente pois está ali para trabalhar. Cínica, Adelaide percebe que ela sabe a verdade e indica-lhe a porta de saída.

Diana desperta e geme de dor. Fica muito aflita ao ver Giacomo morto e o buraco na parede vazio. Ao ouvir as sirenes da polícia, decide fugir dali.

Rodrigo acaba de chegar a casa quando Diana lhe liga. Esta pede que ele a vá buscar ao Porto e, apesar de confuso, Rodrigo sai de casa para ir ao seu encontro.

Francisca trabalha e sente-se observada por outras colegas da rádio. Vitória aproxima-se dela e comenta que, apesar de ter sido namorada de Paulo, não tem dúvidas de que ele tentou violar Francisca e esta agradece o apoio.