“Alma e Coração”: Resumo dos próximos episódios

"

70º Episódio (26 de novembro a 2 de dezembro)

Decorre o movimento normal numa esquadra da polícia quando Leonor entra, muito fraca e pede ajuda. Ninguém a ouve por algum tempo até que um dos agentes repara nela quando Leonor desmaia.

João confronta Nelson, dizendo que o viu a falar com outro homem no mercado e quer saber porque é que ele lhe mentiu. Nelson fica furioso com o controlo do amante e recorda-lhe que não tem esse direito pois vive uma vida de fachada. Apesar das súplicas se João, Nelson sai porta fora e deixa-o a falar sozinho.

Diana dá uma aula na escola de circo e Martim tem muita dificuldade em todos os exercícios. Cheia de paciência para ele, Diana tenta ajudá-lo a superar-se.

No armazém onde está sozinha, Leonor começa a sentir-se mal. Pergunta-se onde andará Camila e está muito preocupada com ela. Consegue reunir forças e sai do armazém para ir à procura de ajuda.

Marta dança com Gustavo e diz ao irmão que está quase pronto para reconquistar Naomi através da dança. No entanto, Gustavo está mais apreensivo com a presença de Lucas no bairro, percebeu que existe um passado entre ele e Naomi e receia que a amada volte para ele. Margarida vem chamar os filhos para se despedirem dos Macedo.

Na sala, Gustavo, Margarida e Marta despedem-se carinhosos de Jacinta e Deolinda. Agradecem pela ajuda preciosa e prometem retribuir um dia. Antes de saírem, Gustavo atende uma chamada de Naomi a pedir-lhe que ajude Aida a defender-se e este aceita.

Fernando comenta com Júlia que Margarida e os filhos se vão mudar da casa de Nestor para uma casa nova mas não sabe onde é. Júlia recebe uma mensagem de Diana que quer ver Vitória e contar-lhe toda a verdade. Júlia responde que Vitória vai ter a audiência no dia seguinte e que nesse momento, Diana não é uma prioridade e terá de entender.

Em Génova, Cecília e Luís discutem e este afirma que a mulher precisa de ajuda. Cecília, por sua vez, acusa-o de estar sempre a fugir e recusa-se a ir embora de Itália, depois de ter ouvido a voz de Leonor ao telefone.

Decorre o movimento normal numa esquadra da polícia quando Leonor entra, muito fraca e pede ajuda. Ninguém a ouve por algum tempo até que um dos agentes repara nela quando Leonor desmaia.

Gustavo adverte Aida que se continuar a mentir para defender Leo, corre o risco de de ser deportada para Cabo Verde. Naomi não fazia ideia de que a mãe não estava legal em Portugal e insurge-se, dizendo que Leo não merece que Aida faça tamanho sacrifício.

De malas feitas, Luís despede-se de Cecília que se recusa a encarar o marido. Nesse momento, recebem uma chamada da polícia a avisar que Leonor apareceu numa esquadra. Cecília volta a sentir ânimo pela vida e apressa-se a ligar para Fernando.

Em Portugal, Fernando fica animado ao saber que Leonor está viva e a salvo. No entanto, Júlia e Vitória estão mais preocupadas com o julgamento do que com o regresso da sua neta. Vitória agradece a Fernando por testemunhar a seu favor.

Vera toma um café na casa de chá quando António se aproxima dela. Vera conta que Leonor já apareceu e António aproveita a deixa para a convidar para sair.

No hospital, Leonor está a soro quando os pais entram. Cecília e Luís abraçam Leonor, comovidos e aliviados e choram. Leonor também fica feliz por ver os pais mas não consegue esquecer que Camila pode estar em perigo.

Na marisqueira, Flávio e Eduarda comentam tristes que não têm intimidade desde que Alex voltou para casa. Margarida, Marta e Gustavo vão lá jantar e Marta quer saber tudo o que a espera no julgamento. Fica em choque ao saber que Fernando vai ser testemunha abonatória de Vitória.

Aida pede a Naomi que tome conta do irmão se for deportada para Cabo Verde. Apesar de contrariada, Naomi assente e abraça a mãe a chorar. Leo entra em casa e fica de rastos ao saber que a mãe está em risco.

Adelaide critica Jacinta e não percebe como é que ela pode estar tão tranquila com o que Nestor revelou. Ao ver Carmo agarrada ao telemóvel quer saber com quem está a trocar mensagens e discute com a filha por causa dela namorar com Celso.

Raimundo chega a casa desesperado. Não aguenta mais e quer usar o dinheiro que encontraram para fugir dali. Deolinda não aguenta mais mentir e conta ao marido que doou o dinheiro à igreja. Irado, Raimundo avisa-a que tão depressa não lhe fala.