“Alma e Coração”: Resumo dos próximos episódios

"

8º Episódio (24 a 30 de setembro)

Diana ouve Rodrigo na rádio e fica nervosa e irritada. Decide ligar para lá. Daí a um bocado, entra no ar e declara que não acredita em almas gémeas. Rodrigo pede-lhe que vá ao seu encontro dentro de uma hora, no sítio onde se conheceram. Diana aceita e o Humorista assegura o resto do programa para Rodrigo sair.

Nestor joga à sueca com alguns trabalhadores. Estão todos muito animados quando Nestor recebe uma chamada de Jacinta que lhe vem pedir para que fale com Carmo para que o marido ponha juízo na cabeça da neta. Explica que ela tem ciúmes da namorada do irmão e está preocupada com a saúde mental de Carmo.

Na Somecel, Fernando é muito carinhoso com Júlia. Ela mostra-se fria quando o telefone dele toca. É da polícia a dizerem que apanharam o homem que atacou Margarida. Júlia fica nervosa e oferece-se para ir à esquadra.

No estúdio da rádio, Marta é entrevistada e fala sobre a sua digressão pela América Latina. Paulo observa-a admirado.

Depois da entrevista terminar, Paulo elogia Marta e não esconde que a acha gira. Rodrigo informa-o que conhece a família dela e Paulo muda de assunto. Fala em dar mais responsabilidade a Clara que fica emocionada.

Diante da possibilidade de ir à polícia identificar o seu agressor, Margarida recusa. Júlia oferece-se para ir no seu lugar e Fernando agradece o seu gesto.

Gustavo fala com Alzira que jura que nunca bateu nos filhos. Explica que a filha já partiu o braço porque é muito irrequieta e está sempre a cair. Depois da conversa terminar, Alzira vai embora a chorar pois percebeu que Gustavo não acredita totalmente nela. Naomi defende a vizinha e aposta com o advogado que Alzira nunca bateu nos filhos.

Na prisão, Júlia olha para o homem que atacou Margarida e aponta para um desconhecido. Um agente explica-lhe que esse não pode ser pois é um colega dele da polícia. Júlia disfarça o melhor que pode o seu embaraço.

Daí a um bocado, o agente da polícia diz a Fernando e a Júlia que têm várias provas contra o homem que Júlia contratou para atacar Margarida. Lamenta que Júlia não tenha conseguido identificá-lo para lhe tornar o trabalho mais fácil. Fernando pede a Júlia que entre em contato com Diana para ela também prestar o seu testemunho.

Jacinta comenta com Adelaide que não acha bem que Carmo despeça a empregada. Para Adelaide é indiferente. Quando questionado sobre Diana, Joao admite que as coisas entre eles não estão muito bem. Adelaide diz ao filho para não se preocupar pois facilmente arranja melhor que ela.

Ao jantar, Deolinda queixa-se da comida. Celso, por sua vez, come com apetite e Deolinda queixa-se que nem ele nem a irmã a ajudam nas tarefas de casa. Celso defende a irmã pois acha que ela ainda está a trabalhar.

Paulo leva Clara a um restaurante e depois de terminarem o jantar este convida-a para ir até sua casa. Clara, nervosa, recusa e Paulo não insiste mais.

Num bar gay, João encontra o seu ex-namorado Telmo. Este apresenta-lhe o marido. João fica surpreendido e Telmo recorda-o que as coisas entre eles não correram bem porque ele nunca quis assumir uma relação a sério. João fica muito perturbado.

Nestor conversa com Carmo e afirma que ela vai ser sempre importante para o irmão João. Acha que ela também devia arranjar um namorado. Carmo acha que ninguém a vai querer por causa do seu problema de saúde.

Júlia está inquieta e Vitória percebe. Júlia sabe que conhece Diana de algum lado e não descansa enquanto não descobrir. Vitória deseja que a mãe descubra depressa para se acalmar.

João visita Diana na sua autocaravana. Esta fica surpresa mas convida-o para entrar. Conversam e João assume que é gay mas não consegue assumir-se por causa da sua família. Diana também conta algumas coisas da sua vida, incluindo que fez a cicatriz quando a tentaram matar em Itália.

Ao pequeno-almoço, Fernando avisa Margarida que vão estar com Diana para lhe agradecer tê-la salvo. Fernando sai mais cedo de casa para ir ao ginásio enquanto Vera também ignora o problema de saúde de Margarida.

Naomi aconselha Aida a confiar em Gustavo pois Alzira não pode pagar outro advogado nem elas a podem ajudar. Aida reforça que nunca viu a vizinha a bater nos filhos e acreditam na sua inocência. Danny prepara-se para faltar às aulas mas Alzira obriga-o a ir.

Na rua, encontram-se com Celso que agradece a Alzira pelos pasteis que mandou para sua casa. Danny junta-se aos seus amigos enquanto Celso convida Naomi para dançar.

No escritório de Fernando, Diana aceita um presente de gratidão de Fernando e Margarida. Para se esquivar de ir a polícia, alega que já não se lembra da cara do assaltante. Quer sair dali rapidamente e é Júlia quem a leva à saída. À despedida, convida-a para beber um café.

Na clínica, João coloca botos na cara de Adelaide e dá-lhe algumas recomendações. Esta repara que o filho está com um ar cansado mas ele disfarça o motivo. Adelaide oferece-se para o ajudar na decoração da clínica nova

O homem que Júlia contratou é levado para uma carrinha algemado juntamente com outros reclusos. Ao longe , alguém observa tudo.

No seu gabinete, Fernando diz a Júlia que o homem que atacou Margarida vai ser ouvido por um juiz e está prestes a colaborar com a polícia em troco de benefícios. Júlia disfarça a sua preocupação.

Na radio, Rodrigo faz o seu programa com o Humorista e Rodrigo está distraído. Falam novamente das almas gémeas e o Humorista pede a mulher que destroçou o coração do amigo para ligar para a rádio.

Diana está a ouvir tudo e fica nervosa e irritada. Decide ligar para lá. Daí a um bocado, entra no ar e declara que não acredita em almas gémeas. Rodrigo pede-lhe que vá ao seu encontro dentro de uma hora, no sítio onde se conheceram. Diana aceita e o Humorista assegura o resto do programa para Rodrigo sair.

Paulo chama Rodrigo à atenção por deixar o programa a meio mas Rodrigo não quer saber e põe o seu lugar à disposição. Só quer ir ter com Diana.

Diana, na sua autocaravana, também hesita sem saber o que fazer. Sabe que não deve confiar em ninguém mas acaba por ir ao encontro de Rodrigo.

A meio do caminho, há um acidente que não a deixa passar. Diana estaciona a caravana e prossegue de mota. Acelera por uma estrada de terra, tentando chegar a tempo.

No seu gabinete, Fernando vê uma notícia no computador. Júlia entra e pergunta o que se passa e Fernando explica que houve um acidente com a carrinha da polícia e que o homem que atacou Margarida fugiu.

Rodrigo, suspira, de rastos, por ela não estar no local. Acha que ela já não vem. Diana chega de mota e correm para os braços um do outro e dão um beijo cheio de paixão.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close